Notícias


2020-10-08 | Centro Mamã Muxima beneficia da comemoração da Semana Mundial do Espaço


Foi inaugurado, ontem, o Centro de Informática do Centro de Acolhimento Mamã Muxima, apetrechado com computadores e Internet, durante o evento alusivo a Semana Mundial do Espaço 2020, que decorreu no âmbito das jornadas comemorativas dos 45 anos de Independência Nacional no sector das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social.

O evento teve o seu início às 09 horas com uma visita às instalações do centro por parte de Sua Excelência Secretário de Estado para as Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Mário Oliveira, Director Geral do Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional, Zolana João, Directora Geral Adjunta para a Área Técnica e Científica do Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional,Vangilyia Pereira, a Directora do centro, irmã Teresa Costa, a responsável das crianças, Irmã Lucrécia, entre outras, entidades envolvidas na actividade.

Seguidamente, as referidas entidades visitaram as distintas actividades solidárias e de educação espacial preparadas pelo GGPEN, juntamente com os seus parceiros da Faculdade de Engenharia da Universidade Agostinho Neto e Kandengues Cientistas, para as crianças e jovens carenciados do centro, nomeadamente:  

Apresentação de dois vídeos de curta-metragem sobre educação espacial; palestra de Introdução aos Pequenos Satélites; mini curso certificado sobre Montagem e Operação de Cansat; workshop de programação de elementos espaciais e robótica para um núcleo de embaixadores da educação espacial na sala de informática; exposição de projectos tecnológicos e espaciais; demonstração da aplicação das STEM na área espacial, através do lançamento de um foguete de propulsão liquida (água) e exposição Técnico - Científica, que demonstra o papel da Independência Nacional no desenvolvimento da Literacia Digital.

A visita solene terminou com o lançamento de um foguete de propulsão líquida (água), uma clara demonstração das aplicação das STEM (do inglês, Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) na área espacial.

O evento, que contou com a participação aproximada de 102 crianças e jovens do centro, entre os 5 e os 23 anos, teve também a participação do humorista angolano Kotingo que, igualmente, participou do evento com as crianças, tendo deixado à elas uma pequena mensagem de motivação para que estas se apliquem de um modo geral nos estudos.

 

Transferência de conhecimento 

 

Os parceiros do GGPEN em matéria de educação espacial por parte da Faculdade de Engenharia da Universidade Agostinho Neto e Kandengues Cientistas relataram sobre o processo de transferência de conhecimento que obtiveram do GGPEN, o que permitiu que ontem pudessem, igualmente, transmitir esse conhecimento neste evento.

O professor auxiliar do Departamento de Electrónica e Electrotecnia da Faculdade de Engenharia da Universidade Agostinho Neto, eng.º Ernesto Manuel Distinto Ufume, destaca que ter participado do curso sobre Pequenos Satélites (Cansat), proporcionado pelo GGPEN em 2019, foi uma experiência agradável, não só para ele, mas também para os seus colegas da UAN que tiveram a oportunidade de participar do referido curso.

De modo geral, conta, “a nossa forma de olhar para os satélites artificiais e reais mudou completamente depois do curso”, disse e acrescentou que agora tem um amplo conhecimento sobre os satélites: “percebemos a importância dos mesmos na nossa vida e que transcendem a simples transmissão de rádio e televisão. Eles estão na base do desenvolvimento tecnológico que vivemos hoje. Por este facto, é fundamental a passagem de conhecimento às comunidades estudantis e não só”.

Como é de conhecimento de todos, prossegue o engenheiro, “a construção de um satélite envolve custos elevadíssimos, os cansats vêm ajudar a disseminar o conhecimento dentro das comunidades sobre satélites reais, pois eles são uma fotografia real e envolvem menos custos”.

A Semana Mundial do Espaço 2020 é dedicada aos satélites e os seus amplos benefícios, melhoria confirmada pelo engenheiro Ernesto Manuel Distinto Ufume:

“Beneficiamos do curso promovido pelo GGPEN, que teve o propósito de tornarmo-nos capazes de desenhar, elaborar uma missão, fazer a integração do sistema e o lançamento do cansat. Com esse curso, pudemos pôr em prática conhecimentos teóricos adquiridos durante anos de formação nas instituições de ensinos gerais e na universidade, pois que neste, teve-se contacto com a real electrónica, tanto a analógica quanto a digital, o que acaba proporcionando uma sensação de satisfação”, afirma.

De acordo com o professor universitário, a “aprendizagem foi efectiva o suficiente, a ponto de nós como integrantes termos nos tornado também vectores de transmissão de conhecimento aos outros na forma de palestras e workshops com sucesso”.

Fruto desta formação, o professor ministrou uma palestra e um workshop sobre satélites e pequenos satélites, às crianças e jovens do Centro de Acolhimento Mamã Muxima.

Por seu turno, Pedro Paris, Técnico Médio de Telecomunicações, na especialidade de Electricidade e Electrónica e responsável do projecto social Kandengues Cientistas, partilhou que a parceria com o GGPEN teve o seu início em 2018, onde foram beneficiados com uma formação sobre o tema “O espaço une o mundo”, onde também falou-se sobre os satélites e a sua importância no dia-a-dia, como as tecnologias espaciais podem melhorar as condições de vida  da humanidade. 

“Com estes conhecimentos adquiridos nestas formações dadas pelo GGPEN, nós temos transmitido a nível das comunidades como também às crianças dentro da academia dos Kandengues Cientistas e neste evento transmitimos uma vez mais o resultado dessa formação da qual fomos beneficiados ao longo destes 3 anos com o GGPEN”, declarou. 

Todas as crianças e jovens do centro receberam certificado dos mais diversos cursos que participaram.

Terminado o evento, a directora do centro, irmã Teresa Costa, agradeceu pelo gesto do Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social no sentido de oferecer equipamento para a sala de informática e Internet. “Será um beneficio às crianças, visto que, muitas delas não tinham acesso à computadores e hoje têm uma sala apetrechada. Espero que esta parceria não fique por aqui, pois as crianças aprenderam muito com esta actividade da Semana Mundial do Espaço”, declarou, agradecida.

 

Semana Mundial do Espaço 

 

A Semana Mundial do Espaço é o maior evento espacial da Terra, com mais de oito mil eventos relatados em 2019 e realizados em 96 países, inclusive Angola.

Foi criada pelas Nações Unidas e é comemorada internacionalmente de 04 a 10 de Outubro, com o objectivo de celebrar o contributo da ciência e da tecnologia espacial para o melhoramento da condição humana.

Este ano de 2020, a Semana Mundial do Espaço é dedicada aos satélites e os seus amplos benefícios sob o tema “Os satélites melhoram a vida”.

As datas que delimitam a Semana Mundial do Espaço comemoram acontecimentos marcantes da era espacial: no dia 4 de Outubro de 1957 foi lançado o Sputnik I, o primeiro satélite terrestre construído pelo homem. O Tratado de Exploração Pacífica do Espaço Exterior foi assinado pelos Estados membros da ONU no dia 10 de Outubro de 1967.

Criado há 26 anos, o Centro de Acolhimento Mamã Muxima, contribui para melhorar a vida de centenas de crianças carenciadas provenientes de diversas partes do país. Actualmente, alberga quase 200 crianças órfãs em regime de internato e mais de 130 em externatos, com idade compreendidas entre os 4 e os 18 anos.

Apesar da pandemia global de covid-19 existem maneiras seguras de participar e celebrar a Semana Mundial do Espaço. Participe você também, realizando alguma actividade ligada ao espaço e partilhe connosco as suas actividades com a hashtag #semanamundialdoespacoangola2020. Veja aqui o que pode realizar em https://www.worldspaceweek.org/events/event-ideas/