Daniel Cristiano

Administrador de Sistemas Informáticos do Centro de Controlo e Missão de Satélites

Papel do administrador de sistemas informáticos no Centro de Controlo e Missão de Satélites (MCC)


Para obtermos um entendimento claro do papel que um Administrador de Sistema Informático exerce no funcionamento de um Centro de Controlo e Missão de Satélites (MCC) no que concerne a gestão dos satélites, dentro do universo dos diversos especialistas das diversas áreas, é importante compreender os seguintes conceitos:

O termo Sistema indica processos automáticos ou manuais. O primeiro tem que ver com computadores e redes de comunicação, e o segundo sobre metodologias ou pessoas.

O Centro de Controlo e Missão de Satélites (MCC), é uma infraestrutura constituída por sistemas e equipas, onde o seu papel é de controlo e gestão dos satélites em órbita a partir de acções como, recepção e transmissão de dados dos satélites controlados, por meio de um sistema de Antenas.

Uma Rede de Computadores é um grupo de sistemas que estão ligados entre si através de canais de comunicação com o objectivo de compartilharem recursos entre si. 

  1. SISTEMAS INFORMÁTICOS

Importa referir que os sistemas informáticos não se tratam somente de softwares ou computadores, nos dias de hoje o seu conceito é muito mais abrangente, uma vez  que fornecem dados e realizam análises profundas de questões operacionais que ajudam na tomada de decisões dos gestores dentro das empresas.

Tendo em conta que qualquer sistema necessita de ter um administrador, foi criada a área de Administrador de Sistemas Informáticos. O papel de um Administrador de Sistema dentro de uma organização varia muito de organização para organização,  mas todos eles têm como base a gestão, monitorização do desempenho dos sistemas, resolução de problemas tanto a nível dos softwares  como do hardware e garantir a segurança dos sistemas. 

 

  1. PAPEL DO ADMINISTRADOR DE SISTEMAS INFORMÁTICOS NO CENTRO DE CONTROLO E MISSÃO DE SATÉLITES (MCC)

 

O papel principal do Administrador de sistema no MCC é de apoiar as outras equipas que estão ligadas directamente à gestão do satélite, nomeadamente: Análise de subsistemas, Canal de Serviço, Suporte e Navegação Balística e Planeamento do Voo. Uma vez que os equipamentos e softwares que são utilizados  por estas equipas para efectuarem as suas tarefas,  são geridas pelo Administrador de Sistemas, no que concerne o seu bom funcionamento e segurança.

Para gestão de um satélite, a interacção entre as diversas equipas é primordial, visto que em muitos casos, uma equipa para executar uma determinada tarefa depende muito dos resultados que  a outra vai produzir. Por exemplo: A Equipa dos operadores do voo do satélite para executar uma manobra de correcção da sua posição orbital, necessita dos comandos que são gerados e enviados  para o  servidor pela Equipa de Planeamento do Voo e assim serem acessados pela Equipa de Análise de subsistemas para efectuar a manobra. Este processo demonstra que as áreas têm que estar conectadas a partir de uma rede de computadores que o administrador de sistemas tem que garantir o seu pleno funcionamento.  

O administrador de Sistemas Informáticos no MCC é responsável pelo funcionamento ininterrupto do conjunto de equipamentos e softwares que estão ligados directa ou indirectamente à gestão do satélite, e para garantia deste funcionamento são desenvolvidas diversas acções, tais como:

 

  • Garantir que todos os serviços e equipamentos estejam a funcionar dentro dos parâmetros programados para quais foram desenvolvido através de monitoramento e diagnósticos de desempenho;
  • Executar os procedimentos de backup e arquivamento de informações;
  • Monitorar e executar as Políticas de Segurança previamente estabelecidas contra ameaças externas e internas;
  • Apoiar o funcionamento das diversas áreas de acordo com a documentação operacional, incluindo o desenvolvimento e implementação de medidas de recuperação de situações não nominais;
  • Alterar as configurações dos softwares do MCC se necessário, junto com as outras equipas;
  • Garantir a troca de informações entre o MCC principal situado em Luanda e o MCC Reserva, localizado na Rússia;
  • Realizar os serviços técnicos e manutenções preventivas em toda a Rede;
  • Instalar as novas versões dos Softwares;
  • Efectuar reparos em caso de falhas de hardware e equipamentos, utilizando peças sobressalentes. 

 

  1. CONCLUSÃO

 

A semelhança de um Administrador convencional, um Administrador de sistemas Informáticos no MCC precisa ser um bom comunicador para articular a resolução de quaisquer problemas com a sua equipa e garantir que sejam tratados em tempo útil. Mas também precisa ter profissionalismo técnico que é exigido, de modo a compreender a complexidade dos sistemas com os quais está a lidar.

 

 

Autor

Daniel Cristiano

Licenciado em Tecnologias de Informação

Administrador de Sistemas Informáticos do Centro de Controlo e Missão de Satélites, Funda - Luanda